Dicas Viagens

Vai viajar? Aproveite para conhecer as cervejas do lugar! Veja nossas dicas!

Ufa! Depois de muito trabalho, chegou, enfim, o dia da tão esperada viagem. Conhecer um país novo, uma cidade diferente. Ver e ouvir pessoas que falam outra língua e vivenciam uma cultura muitas vezes desconhecida por você. E claro, você não quer deixar de beber uma boa cerveja nos jantares ou nos almoços, acompanhando as refeições. Como escolher?

Viajar é sempre muito bom. E como a gente sempre fala aqui no blog, são tantos estilos de cerveja que às vezes pode dar medo ao se deparar com um cardápio cheio de marcas desconhecidas.

Uma vez, um amigo foi para São Paulo e, por uma indicação minha, ele foi parar no Empório Alto dos Pinheiros, o famoso, querido e conhecido EAP. Chegando lá ele deu de cara com mais de 30 tipos de chopes diferentes, fora a enorme quantidade de garrafas. Uma Disney pra quem gosta de cervejas. O que ele fez? Tirou uma foto do painel e me mandou pelo Whatsapp, com um pedido de S.O.S.! Ele foi experimentando, seguindo minhas dicas, e curtiu uma noite super agradável e divertida! Mas pra você que vai viajar e não tem um amigo pra pedir ajuda, eu tenho aqui algumas dicas – principalmente se essa viagem envolver um passeio pelo exterior!

Em países como os Estados Unidos ou nos países da Europa, os moradores vivem uma cultura que privilegia o produto local. Então é claro que você vai encontrar as cervejas mundialmente conhecidas – afinal, elas estão em todos os lugares e contam com um excelente sistema de distribuição. Mas você pode – e deve – perguntar sobre as cervejas locais, e abrir a cabeça pra beber coisas diferentes.

Assim como hoje, no Brasil, existem centenas de microcervejarias, nas principais cidades do mundo isso também acontece.

Aqui por perto, no Chile, por exemplo, eu troquei o barato e famoso vinho chileno pela cerveja em alguns momentos e me dei bem! Olha essa hamburguer que foi harmonizado com uma Session Ipa, em Santiago:

Cerveja Jester Session Ipa com Hamburguer Luco`s – Santiago, Chile

Sério!! Estava muito bom! O hamburguer tinha um pouco de pimenta nos ingredientes e a Session Ipa produzida pela Jester ampliou a sensação de queimação que a pimenta traz. É uma experiência que eu só recomendo pra quem realmente goste de pimentas, o que é o meu caso, definitivamente!

Na cidade eu ainda bebi uma cerveja mais comercial, mas muito honesta e bem feita. A Torobayo, uma Pale Ale fabricada pela Kuntsmann. Harmonizou bem com um almoço que pedi com costelinha, barbecue e purê rústico de batatas. O barbecue é sempre bem forte e costuma se sobrepor ao sabor das cervejas, mas a Pale Ale ressaltou o adocicado do molho e, com o purê, ficou muito bom.

Nesta mesma viagem fui para o sul do Chile, até a região de Puerto Varas, onde bebi uma Summer Ale fabricada na cidade.

Chester Beer – Summer Ale – Puerto Varas, Chile

A cervejaria Chester Beer é super bem-humorada e produz outros estilos também. Essa é uma cerveja bem leve e foi uma ótima pedida pela refrescância. Dá pra ver pela cor que ela é bem clarinha, com baixa quantidade de álcool.

Conhecer as cervejas locais faz parte de uma viagem. É uma forma de se integrar à cultura da cidade e conhecer outras formas de fazer cerveja, outras receitas e ter diferentes experiências. No blog, sempre que a gente fizer uma viagem, nós vamos mostrar aqui e nas nossas redes sociais um pouco das harmonizações que a gente escolheu – boas e ruins, tá?

E você? Qual a melhor experiência que teve em viagem ao descobrir uma cerveja do lugar? Conta pra gente aqui no blog!

 

Responda

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *